"Não é o significado da vida, mas o sentido dela." (May Iakulo)

"Que eu não aprenda o significado da vida, no ultimo minuto do segundo tempo." (Day Anne)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

quinta-feira, 7 de julho de 2011

MACHISTAS, VADIAS E PURITANAS (A divergência está no que fazem do que fizeram deles.)

Crônica

MACHISTAS, VADIAS E PURITANAS (divergência está no que fazem do que fizeram deles.

Por Claudeci Ferreira de Andrade

          Assustaram-me com a chegada da "marcha das vadias" ao Brasil. (http://www.observatoriodegenero.gov.br/menu/noticias/marcha-das-vadias-chega-ao-brasil) - acessado em 29/12/2016. Em tempos de igualdade de gênero. qualquer coisa que um homem disser para uma feminista é machismo ou cantada. E Ai dele se não ficar calado! O contraponto o intimida e constrange! Isso não é desumano? Mesmo desse jeito, muitos gostam das mulheres vadias, safadas. Pelo o que podem oferecer: uma boa cama e muita traição, em nome da liberdade! As outras, sim, escondem sua depravação no falso moralismo que faz de mim um conquistador, ou melhor, metaforizando, um virador de "bosta" de "vaca", no meio do pasto, na esperança de contemplar a vida no mundo dos vermes e insetos povoadores por debaixo da quela plasta ressequida pelo sol benfazeja da natureza. Pelo menos, estas outras são menos rodadas por serem repugnantes, não por falta de oportunidades, diga-se de passagem, mas por opção e porque acreditam na feiura como amiga da inteligência. Mas, as do meio são equilibradas, elas agradam a todos. Na equalização está a virtude delas, não vão às ruas badernarem e nem são lerdas! 
           Os garanhões sedutores não as querem, nem uma nem outra, para sempre; eles são beija-flores que se alimentam da diversidade; consequentemente vulgares também. Disse Léon Tolstoi: "O amor começa quando uma pessoa se sente só e termina quando uma pessoa deseja estar só." Uns preferem está mal acompanhados do que sozinhos, não é meu caso!
           Nada mais leva o homem perder a força do tino do que o viço pelas mulheres: jugo pesado como a responsabilidade ou leve como o amor. As circunstâncias consagram o amor. Se foge até não poder mais, mas acaba no destino. O que é difícil não vem de Deus. E quais delas são mais viciantes? Com certeza as também viciadas! Porém não se escolhe só olhando, convivência demorada é preciso! "Certas atitudes separam mulheres de vadias." (Bia Bandeira).
           Na verdade os homens, em geral, têm medo das mulheres. Quanto mais bonita e ostentada e imponente mais assusta os inseguros machos. As mulheres e os homens todos são feitos da mesma essência, a divergência está no que fazem do que fizeram deles. 
           
Claudeko
Publicado no Recanto das Letras em 07/07/2011
Código do texto: T3080632

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Comentários



Postar um comentário