"A incoerência alheia, é um dardo certeiro nas certezas e vontades que carrego." (Camila Custodio)

"A incoerência é o sentido do homem" (Marcos Neves Monteiro)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 26 de maio de 2018

ATO DE ACOLHER ("Os filhos precisam de ninho e de asas. Ninho é o acolhimento, o aconchego. Asas para ter liberdade para crescer." — Isabelle Ludovico)



Crônica

ATO DE ACOLHER ("Os filhos precisam de ninho e de asas. Ninho é o acolhimento, o aconchego. Asas para ter liberdade para crescer." — Isabelle Ludovico)

Por Claudeci Ferreira de Andrade

           Hoje, por mais cuidadoso que eu sou em expor minhas ideias, mas, com certeza, não conseguirei evitar malfazejas observações, porque as relações cotidianas já estão fragilizadas, e isso deixa o terreno fértil para desentendimentos. Não consigo esconder todas as minhas satisfações ou insatisfações e falo (escrevo) muito. Então vou lhe contar mais esta passagem de minha vida: A primeira vez que li o livro: Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis, eu tinha 17 anos, fazia o último ano do Ensino Médio: Aos 17 anos, Brás conhece Marcela, prostituta espanhola radicada no Rio de Janeiro.... Enfim me identifiquei com muitas passagens ali, de onde tirei muitas lições sobre a vida pessimista e sem sentido do personagem narrador. No último capítulo, significativamente chamado "Das Negativas", existe um balanço, claramente negativo da passagem pela vida, que termina com a famosa afirmação "Não tive filhos, não transmiti a nenhuma criatura o legado da nossa miséria". Trata-se de uma afirmação forte, escrita por um irônico narrador. Eu pensava assim também e respondia para quem quer que me perguntasse se eu tinha filho ou queria ter filho, prontamente lhe dizia: “COMO PODERIA EU COMETER TAMANHO ERRO REPRODUZINDO A MISÉRIA QUE SOU”. E vejam só que “erro” maravilhoso eu cometi: Mais uma de minhas relações desprotegidas. Uma filha eu tinha! Ela me apareceu grande, educada e linda! Não preciso mais ler o defunto escritor. Agora vou ler Paulo Coelho: “Uma coisa é você achar que está no caminho certo, outra é achar que o seu caminho é o único. Nunca podemos julgar a vida dos outros, porque cada um sabe da sua própria dor e renúncia. ” Todavia a maioria dos pais, quando os filhos são menores colocam-nos na escola de tempo integral para os professores cuidarem e quando ficam de maior processam-nos, os que se recusam sair de casa. {http://impresso.dm.com.br/edicao/20180524/pagina/3}
           E a minha descendência continuará abençoada por mil gerações. "Não lamente a flor caída. Logo ela te trará frutos e descendência "(Éder Moises). Assim, já estou preocupado com outra coisa, mas deixemos para amanhã: se o teste de DNA não comprovar minha paternidade, eu serei o mais miserável dos homens, pois aprendi tão rapidamente amar a mim mesmo em outra pessoa, ou melhor, amar-me por extensão.
           Aprender exige mudança: por isso quero corrigir os erros que aprendi, e quero adicionar conhecimento ao meu inventário. Sei que a primeira decisão requer a aceitação da repreensão, e a segunda exige a aceitação de novas ideias através da instrução. Não vou deixar o orgulho, a rebelião e a teimosia fazerem de mim um perdedor natural. "A pessoa que se revolta contra o ensino e a correção acabará pobre e envergonhada; quem dá valor ao ensino e segue as instruções receberá honra". (Pv 13:18 BV).
          Quero ter uma família honrada!
Kllawdessy Ferreira

Comentários
Enviado por Kllawdessy Ferreira em 26/12/2016
Reeditado em 26/05/2018
Código do texto: T5863642 
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Postar um comentário