"Todas as coisas complexas estão condenadas à decadência." (Buda)

"Evoluir não é melhorar. A lagarta jura que a borboleta é a sua decadência." (Fabrício Carpinejar)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 1 de maio de 2010

OS FEIOS SE AMAM IGUALMENTE ("Deixemos as mulheres bonitas aos homens sem imaginação." Marcel Proust .)






Crônica

OS FEIOS SE AMAM IGUALMENTE("Deixemos as mulheres bonitas aos homens sem imaginação."
Marcel Proust 
.)

Por Claudeci Ferreira de Andrade

          Eu gosto de mulheres feias, pobres, baixinhas e magras; são rejeitadas e carentes, assim tenho ajudado quem precisa realmente de carinho e atenção. Se "pego" alguma "bonitona" é a gratidão de Deus sorrindo para mim, por eu motivar à vida aquelas de quem já lhe tiraram a esperança. Aliás, toda mulher deitada gozando é linda! As sábias sabem se deitar criativamente, elas não se vulgarizam, medindo cada benefício trocado. Aprendi com Charles Darwin que na história da humanidade (e dos animais também) aqueles que aprenderam a colaborar e improvisar foram os que prevaleceram. Por isso, acredito também em Marcel Proust quando diz: "Deixemos as mulheres bonitas aos homens sem imaginação". E digo também, ou aos que querem procriar, há quem pense em "Raça Ariana".
          As que se fazem feias vingam-se, ignorando os comuns. Querem homens bonitos também! Mas, recebem como consequência a concretização das palavras de Marcel Proust: "A mulher que amamos só poucas vezes satisfaz as nossas necessidades, pelo que lhe somos infiéis com a mulher que não amamos."
         Dói mais a "patada" de uma mulher feia do que a indiferença das beldades! Porque fere a alma, pois quando um homem comum se dirige a uma mulher feia, põe a alma na frente, com os mais nobres sentimentos. Essas pessoas com as quais a natureza foi cruel demais, sempre descontam em quem está próximo. Não basta uma feiura levar a outras formas de ser feio, querem pisar. Explicando melhor, não gosto da feiura, mas amo as portadoras de traços físicos não padronizados. Para mim importa mesmo é a saúde física, mental e espiritual. E a eficiência no proceder é  mais do que qualquer plástica! Eu quero simplesmente uma mulher com a compostura de Clarice Lispector: "A feiura é o meu estandarte de guerra. Eu amo o feio com um amor de igual para igual". A humildade ornamenta o interior de uma mulher: "A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e joias de ouro ou roupas finas. Ao contrário, esteja no ser interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranquilo, o que é de grande valor para Deus." (I pd 3:3,4). 
          Ou seja, mulher feia, assim, é lindo, eu a quero! Ser feio não dói, pois não sofro tanto! Agora, tornar-se feio(a) é dolorido, nojento e fétido; abominável. É como disse o sábio Salomão: " Há quatro coisas que a terra não pode tolerar: (...)a mulher de mau gênio que arranja casamento; (...) (Pv. 30:21,23 NTLH).
Claudeko
Publicado no Recanto das Letras em 16/03/2010
Código do texto: T2142417


Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários          Comentar

09/04/2010 22:31 - ALEXANDRE MOHOR
realmente quebrar o sentido lógico buscando a lógica onde a multidão não acha é um meio de se adaptar com novas aptidões e, por isso, sobreviver... Charles tinha razão... e toda mulher deitada gozando é linda mesmo...


16/03/2010 21:28 - ZORA
Ola rapaz,gostei do seu texto dei umas risadinhas BEM LEGAL...Recordei de meu irmão que dizia: "Quando me ve com MULHER feia ,pode separar que é briga" Gostei também de saber que somos vizinhos! Goiania a Senador Canedo é um pulo ,AINDA MAIS QUANDO SE TRATA DE POeTAS e POETISAS..KIAKIAK Espero desde já nos tornarmos amigos...visite meu cantinho do pensar..Ficarei grata...



Postar um comentário