"Torna-te aquilo que és." (Friedrich Nietzsche)

"Não existem más influências, existem pessoas sem personalidade própria." (Demi Lovato)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 22 de outubro de 2016

A OBSERVADORA ("Muitas coisas eu percebi com meu silêncio"—Taty Campos)


       
         
Crônica

A OBSERVADORA ("Muitas coisas eu percebi com meu silêncio"—Taty Campos)

Por Claudeci Ferreira de Andrade*

           Hoje, a minha noite começou normal, sem chuva, a Jéssica... apareceu-me, certamente já acabou, não é Jéssica? Pois é, e por aqui não há nada que me faça sentir melhor! Há só um vazio profundo, nessa escuridão densa cheia de pontos de luz, parece-me que não estou preparado para lidar com os desafios que ajudam a resolver o meu caos interior. Pois eu ainda preciso de um olhar mais atento a vislumbrar a oportunidade onde a maioria não vê, e esse diferencial vai me distinguir das pessoas comuns. Porém, as ofertas são restritas, e estou sem opção?! Se fico isolado, sou obrigado a ouvir meus próprios pensamentos. Se vou à reunião, sou obrigado a ouvir as opiniões dos outros, estratégico mesmo seria então ser menos reativo. De qualquer maneira, o encontro com alguém agradável é sempre uma boa possibilidade de melhora. Você me ouviu, em troca lhe dei algumas dicas de escrita. O Professor e a aluna verificando suas necessidades! Agora chove papel picado de sua janela em minha roça, ainda que continuo no meu caos, por certo o papel se derreterá facilmente na chuva! Mas, sou eu quem me derramo procurando, em você, os olhos da Amy Winehouse! Do outro lado, o meu maior adversário é a força de vontade que despertou em mim. E logo essa água todo vai entrar em ebulição e evaporar!
            "Quem tem o coração carregado de sofrimento e dor? Quem vive se metendo em brigas e confusões? Quem será sempre machucado? Quem está sempre com os olhos inchados?" (Pv 23:29 BV). Não são só os bêbados, mas também os embriagados de paixão, dançando na chuva! Cambaleantes no meio das trevas, em busca dos vaga-lumes de lampejos demorados. Sempre quis ter um homem forte em mim, e agora que me encontro encorajado, o amadurecimento vem me ensinando a ter mais e mais força. "É necessário ter o caos cá dentro para gerar uma estrela." (Friedrich Nietzsche). Por isso, digo como o apóstolo Paulo: "...quando estou fraco, então sou forte..." (2Cor 12:10 BV). Você não tem mais idade para brincar de esconde-esconde, eu vou lhe pegar. Infelizmente tenho que fazer minhas as palavras de Augusto Branco: "Receio estar vivendo num tempo em que para amar uma alma feminina terei de namorar um homem e que para demonstrar masculinidade terei de agir como mulher..."
Kllawdessy Ferreira

Comentários

Enviado por Kllawdessy Ferreira em 20/10/2016

Reeditado em 22/10/2016

Código do texto: T5797454 

Classificação de conteúdo: seguro



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Postar um comentário