"Todas as coisas complexas estão condenadas à decadência." (Buda)

"Evoluir não é melhorar. A lagarta jura que a borboleta é a sua decadência." (Fabrício Carpinejar)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 17 de dezembro de 2011

INIMIGOS TAMBÉM SERVEM! (Tacape voluntário contra meu lado predador)


CRÔNICA

INIMIGOS TAMBÉM SERVEM! (Tacape voluntário contra meu lado predador)

          A rebeldia dos fracos é a divulgação maldosa, aos gritos, fermentando os erros dos outros! Por não terem cacife, ao atribuir-lhes o mais severo castigo, fazem tempestade em copo d'água, objetivando a simpatia dos terceiros de mau gênio, sedentos por diversões extravagantes. Vivemos em um mundo onde o oprimido também é opressor; tal qual, o violentado é violentador. Os humilhados alunos são os achadores de erros nos seus professores para humilhá-los da mesma forma que são humilhados pelo Sistema. Insistem em apontar o menor erro possível, pois é o máximo que podem descobrir em suas leituras rasas e superficiais. Mas, os rumores, tomo de alerta, protegendo-me de cair em grandes abismos! Por isso, gosto de meus inimigos, sua demência justifica a minha.
          Nunca mais, ouvi um aluno elogiar um professor, se é que alguma vez houve com sinceridade, e eu o esqueci por vingança. Eles entendem por elogios, "cantadas"; talvez por isso negam o seu elogio para se mostrarem fortes e puritanos, e vice-versa. Todavia, mimetizam seu ódio, mudando a forma de tratamento, quando querem "nota" (boa média). Os alunos de antigamente nos tratavam com um "sim senhor", hoje é "querido" e a Educação cada vez pior. Quando não trocam a paparicarem e "puxação de saco" por ameaças. A ironia disso tudo é que ainda, a vantagem é toda do professor, porque é mais fácil resistir uma ameaça do que um pedido amoroso. A reação natural de quem é ameaçado é pedir ajuda de alguém mais forte, fechando assim a guarda, pelo contrário, eles não são capazes de racionalizar que quem quer tirar mel não deve espantar o enxame.
Claudeko
Enviado por Claudeko em 09/11/2011
Reeditado em 12/12/2011
Código do texto: T3326407

Comentários


Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Postar um comentário