"O amor com fé suplanta toda depreciação." (Alessandro de Oliveira Feitosa)

"Na desvalorização do passado está implícita uma justificativa da nulidade do presente."(Gramsci)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 28 de outubro de 2017

TIROTEIO DE ALUNO, CORRIGINDO O MAU CHEIRO DO DESRESPEITO ("É preferível cultivar o respeito do bem que o respeito pela lei." — Henry David Thoreau)



Crônica

TIROTEIO DE ALUNO, CORRIGINDO O MAU CHEIRO DO DESRESPEITO ("É preferível cultivar o respeito do bem que o respeito pela lei." — Henry David Thoreau)

Por Claudeci Ferreira de Andrade

           Lendo sobre o incidente do colégio Goyases, onde o adolescente ferido por bullying chegou ao extremo, matando e baleando alguns dos seus agressores. Devo considerar que o Bullying é um crime, primeiramente pela a devastação que causa na alma, refletindo em todo o ser das vítimas, depois dando teor rixoso aos seus atos. Há quem diga que o motivo do garoto agir com arma de fogo não foi o bullying que sofria, mas porque tinha um caráter satânico e era admirador do Nazismo. Acreditar assim é atribuir a culpa só ao assassino, e "culpar o outro é um escapismo diante da omissão dos fatos e a não compreensão dos efeitos" (Dhiogo J. Caetano). Contudo, o bom senso me diz que ninguém colhe sem plantar, se assim o fizer, comete injustiça. Além do mais, o contraponto está nos depoimentos dos feridos, todos entrevistados disseram que o garoto da arma sofria bullying sim, exceto os que queriam se justificar. Então, ele usou a arma que lhe estava mais acessiva, agindo em sua legítima defesa!
           "A paz só se conquista com a Justiça!" (Hermes C. Fernandes). A justiça deve ser aplicada pelas autoridades constituídas, de quem é de dever, mas na ausência dessas, faz-se-lhe o coagido com as próprias mãos. Não quero entrar aqui no juízo de valor, do certo ou errado, sobretudo a recomendação bíblica é: "amar o próximo como a si mesmo." Que cada um lute primeiro pela sua própria vida e saúde... Assim terá parâmetros e referencial para amar o outro.

           Você lamenta pelas mortes do tiroteio na unidade escolar, mas não lamenta pela dor e sofrimento do garoto desmoralizado e por muito tempo. Ninguém tem o direito de fazer campanha para dar desodorante a ninguém, corrompendo a performance da caridade. É fácil se livrar de um "fedorento", é só sair discretamente de perto dele, sem sofrer nem fazê-lo sofrer.  Você no lugar dele, que jamais suportaria ser chamado sequer de feio, que faria? Responde Bertolt Brecht: "Do rio que tudo arrasta se diz que é violento. Mas ninguém diz violentas as margens que o comprimem."
             Disse Cláudia Hanna: "Concordo com você Claudeci Andrade, o que falta a nossa sociedade é respeitar o individuo como ser único, com suas qualidades e seus defeitos. Existem situações que vão acabando com a pessoa, coisas que quem está de fora acha besteira, mas para quem é o alvo da chacota, sofre muito, infelizmente precisa acontecer uma tragedia dessa para que se aprenda a respeitar o próximo."
           Obrigado, Cláudia Hanna, pelo equilibrado pensar! Estou feliz por não me condenar à loucura. Pois sempre acreditei que se não for possível serem respeitadas as pessoas pela as vias pacificas, na base da educada tolerância, aceitando-as como elas são, com seus defeitos e tudo, pois ninguém é perfeito, então que alguém corajoso diga de forma trágica esta lição demais necessária. E o medo de nova tragédia possa coibir o tal bullying. Desrespeito deve ser combatido pelos arautos da justiça, uma vez tornando-se o bem vencedor, estabelecer-se-á a paz! E agora, nada é mais adequado do que as palavras do Bento  Fleury, firmando-nos a esperança: "De fato, cada um morre um pouco na morte de cada outro, mas, os fragmentos de alegrias clareiam o coração e impulsionam nossos passos a seguirem adiante, da forma possível, até que, um dia, todos estejamos juntos numa nova pátria sem adeus!" 
Kllawdessy Ferreira

Comentários
Enviado por Kllawdessy Ferreira em 25/10/2017
Reeditado em 28/10/2017
Código do texto: T6152694
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Postar um comentário