"Até o palhaço mais alegre do circo, pode chorar em um dia de folga." (Nátaly Seckler)

"Um bom descanso é metade do trabalho." (Provérbio iugoslavo)

Pesquisar neste blog ou na Web

MINHAS PÉROLAS

sábado, 8 de dezembro de 2012

DICIONÁRIO É BOM PARA "MICROCEFALIA" (Convocaram até o exercito brasileiro para combater o "islâmico" mosquito)



Crônica

DICIONÁRIO É BOM PARA "MICROCEFALIA" (Convocaram até o exercito brasileiro para combater o "islâmico" mosquito)

Por Claudeci Ferreira de Andrade

          Os cientistas da Neurologia afirmam que quem fala mais de um idioma ajuda a evitar seus problemas de memória. Já os linguistas afirmam que tradução é outro texto, e que as variedades linguísticas têm vida própria (regionalismos, padrão, gíria etc.), então concluo que aprender palavras novas de seu próprio idioma é como se falar uma outra língua, por conseguinte, o dicionário é remédio preventivo para Alzheimer e/ou "microcefalia".
           A microcefalia é o cérebro espremido pelo um crânio pequeno de mosquito ou o cérebro reduzido que suga o crânio adaptável, é assim que estão dizendo os afetados pelas mídias, para se vingarem de alguma coisa, afirmam: a picada do mosquito da dengue (Aedes aegypti) também transmite o Zika vírus, vilão de muitos desvios. Essa questão está meio parecida com a falta de água no sudeste, ninguém se preocupava com a seca do nordeste até que faltou água no sudeste, e os ricos levaram para as mídias. Encheram suas piscinas novamente com o economizar dos pobres. Resultado, o nordeste continua seco! Assim a escola pública sem qualidade força o pobre economizar na massa cefálica para facilitar o pensar dos poderosos. Essa farsa eterna tem produzindo esse outro tipo de "microcefalia", e desde muito tempo, atrofia só o cérebro, pois o tamanho do crânio fica normal, assim disfarça bem! Não era de muito interesse dos poderosos, esse assunto, mas agora, o cérebro menor diminui a pressão interna e suga o "crânio" de todo mundo, então a medida da cabeça foi para as mídias também, aumentou a preocupação dos da saúde, virou questão de saúde pública, que importa muito aos políticos. "O Governo diminui a circunferência do crânio dos bebês (de 35cm para 33cm). É a pedalada da microcefalia". E o outro Governo arca com os repelentes para as grávidas! Tudo é facilmente manipulável quando se usa os que já têm "microcefalia". http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2015/12/saude-muda-criterios-e-considera-menos-bebes-com-microcefalia.html (acessado em 10/12/2015).
           Convocaram até o exército brasileiro para combater o "islâmico" mosquito. Aí, dão margem para o Enrico Grecovs postar um comentário muito brincalhão no Facebook: "Não consigo entender por que o Exército é chamado para combater o mosquito da dengue. Enquanto o mosquito ainda é larva (dentro d'água) a responsabilidade tinha que ser da Marinha. E quando começasse a voar, da Força Aérea"(sic). Eu penso que estou entendendo, o exercito vai combater os que não combatem o mosquito e esqueçam-se dos "projetos"! 
          Todavia, o que o povo não pode esquecer-se é da Aids! Sobretudo, quando disserem que o mosquito da dengue também transmite o vírus HIV até os que têm a memória reduzida, vão se lembrar do que já disseram nos noticiários: O Zika Vírus também pode ser transmitido por relações sexuais! Se a tal doença reduz o cérebro de criança não poderia causar distúrbios neurológico em adultos normais? Sei lá...! Mas, todos se divertem: Micros e Macros! Tema de carnaval!
           Na África, o Zika transita largamente e não faz a cabeça de ninguém! Que se fabrique outro mosquito transgênico produtor do hormônio da inteligência e do senso crítico, para injetar na humanidade as ciências e responsabilidade, porque alegria, por aqui, tem-se demais!
Claudeko Ferreira
Enviado por Claudeko Ferreira em 04/07/2012
Reeditado em 05/07/2012
Código do texto: T3759589
Classificação de conteúdo: seguro




Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Claudeci Ferreira de Andrade,http://claudeko-claudeko.blogspot.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Postar um comentário